top of page

Empregabilidade na Tecnologia


Laurindo Dumba, contando um pocuco da sua jornada na área da tecnologia e como se tornou um desenvolvedor de software

Nos dias atuais, a tecnologia está presente em todos os aspectos de nossas vidas, desde as tarefas mais simples até as mais complexas. Neste cenário, a demanda por profissionais qualificados em áreas como desenvolvimento de software, análise de dados, inteligência artificial e cibersegurança nunca foi tão requisitada. Contudo, o cenário da empregabilidade na tecnologia é muito dinâmico e exige uma compreensão das habilidades necessárias, das tendências do mercado e das estratégias para se destacar em uma área tão requisitada.


Neste artigo, exploraremos a importância da empregabilidade na tecnologia, os principais desafios enfrentados pelos profissionais em busca de oportunidades nesse setor em constante evolução, e as melhores práticas para alcançar o sucesso na carreira de tecnologia. Tivemos o privilégio de conversar com um ex-aluno e professor da StackX, Laurindo Dumba, que recentemente conquistou uma posição como Engenheiro de Dados. Durante nossa conversa, Laurindo compartilhou um pouco de sua jornada na StackX e na programação. Confira a seguir:


Como você começou sua jornada na programação?

“Minha jornada na área de programação começou durante a pandemia, quando estava realizando vários cursos. Muitas plataformas e empresas disponibilizavam seus cursos gratuitamente, então aproveitei para realizar meus primeiros projetos nesse período. No meio desse processo, acabei conhecendo a StackX através do Instagram. Procurei saber mais sobre o curso, incluindo o modo de ensino, formas de pagamento e a ementa do curso, que faziam muito sentido para mim.”


Quais foram os principais desafios que enfrentou ao aprender programação?

"Estudar é um caminho solitário, então para mim, desde o começo, senti falta de pessoas próximas em quem eu pudesse procurar para tirar dúvidas ou receber algumas dicas. Porque você sai estudando de tudo, mas precisa de uma organização de estudos que te ajude a se encontrar, para diminuir o nível de dificuldade. Por causa dessa falta de saber por qual caminho seguir, acabava consumindo diferentes tipos de conteúdos e muitas vezes sentia que não estava avançando. Outra dificuldade é a priorização do tempo e também a constância diária na busca pela evolução."


Como a StackX contribuiu para o seu progresso como programador?

“Aqui na StackX, encontrei uma comunidade engajada, com professores e alunos contribuindo diariamente para o aprendizado uns dos outros. A flexibilidade de acompanhar as aulas de forma assíncrona também me ajudou bastante. Outra contribuição foi a participação em alguns projetos internos da StackX, que também me ajudaram a evoluir bastante como profissional.”


Como foi sua preparação para as entrevistas de emprego na área de tecnologia?

“Eu vejo muitos vídeos no YouTube e sempre pego algumas dicas de colegas e recrutadores mais experientes. Tento sempre treinar essas dicas que adquiri no meu cotidiano. Outra coisa que faço é olhar o LinkedIn de TechRecruiters e buscar reter as dicas técnicas, mas sem deixar que quem realmente sou de verdade seja ofuscado e fique de fora da entrevista.”


Você sentiu que a formação recebida na StackX o preparou adequadamente para as entrevistas?

“Durante o curso, tivemos algumas aulas de Soft Skills e de como se comportar durante uma entrevista, com dicas muito valiosas e também sugestões de como se apresentar diante de uma entrevista de emprego.”


Você sente que os conhecimentos adquiridos na StackX estão sendo aplicados em seu trabalho diário?

“Com certeza, desde conceitos mais básicos até os mais avançados que adquiri durante o curso. Eu acabei indo para a área de dados e pelo que vejo aqui onde trabalho os ensinamentos adquiridos na minha jornada são totalmente aplicáveis em minhas demandas de trabalho.”


O que você diria para alguém que está querendo começar a aprender programação?

“Diria que o aprendizado é um caminho que pode trazer boas oportunidades para o seu futuro, entretanto, não será da noite para o dia que você aprenderá tudo que precisa para se tornar um desenvolvedor. Levará algum tempo para que isso seja concretizado. Portanto, é bom ter paciência, persistência e perseverança. Cada pessoa possui seu ritmo de aprendizado, então não se cobre caso sinta que não está evoluindo. Existe uma enorme comunidade de pessoas que estão seguindo a mesma jornada que você para te apoiar e ajudar.”


Algum conselho específico para se destacar durante a busca por emprego na área de desenvolvimento de software?

“Durante a busca por emprego na área de desenvolvimento de software, não se autolimite. Mesmo que não atenda todos os requisitos da vaga, candidate-se. Personalize sua candidatura para cada empresa e seja persistente. Destaque suas habilidades e esteja aberto a oportunidades de aprendizado e networking.”


Concluindo, a jornada pela empregabilidade na tecnologia é uma trajetória desafiadora, porém repleta de oportunidades de crescimento e realização. Ao longo deste artigo, exploramos diversos aspectos fundamentais para quem deseja ingressar nesse campo dinâmico e promissor. Desde a importância de adquirir habilidades técnicas até o desenvolvimento de soft skills essenciais para se destacar em entrevistas de emprego. Além disso, ouvimos o relato inspirador de Laurindo Dumba, um ex-aluno da StackX, que compartilhou sua experiência e os benefícios que obteve ao se dedicar à programação. Sua jornada reflete a importância do aprendizado contínuo, da persistência e da comunidade de apoio presente no universo da tecnologia.


Portanto, para aqueles que almejam uma carreira neste setor, lembrem-se: a chave para o sucesso está na busca constante pelo conhecimento, na construção de relacionamentos e na confiança em suas habilidades. Com determinação e foco, é possível transformar sonhos em realidade e conquistar um futuro brilhante na área de desenvolvimento de software.


Conheça um pouco mais do trabalho do Laurindo:







Posts recentes

Ver tudo

Comments


  • Instagram
  • LinkedIn
  • Facebook
bottom of page